Excertos

A mulher disse-lhe: “Os dois filhos mais velhos já pagam um bilhete de adulto. Portanto esse dinheiro não é suficiente.” O semblante do homem logo decaiu enquanto reabria e remexia a carteira como se um milagre pudesse acontecer… Foi nesse momento que Jorge muito discretamente abriu a sua carteira... Continuar a ler
Excerto do livro: A voz que não ouvi

Num sonho maravilhoso
Vi um mundo orgulhoso
Por ter posto fim á guerra
Á injustiça e á maldade
Á violência e desonestidade
Como era bom estar na terra!

Fui tão feliz uns momentos
Vendo que os sofrimentos
Já não existiam mais.
Acordando entristeci
Porque logo percebi
Que há motivos para ais.... Continuar a ler
Excerto do livro: Reflexões Rimadas II

Acho que é o filho do Mário Alves, que vem ali. Ora, eu nem sabia quem era o Mário Alves, nem quem era o seu filho. Então olhei curiosa e vi um bonito rapaz acompanhado por uma moça um pouco mais velha. Fiquei calada observando-os, mas disse para comigo: Se forem namorados, não acho um par muito... Continuar a ler
Excerto do livro: Esplendor no Horizonte

O menino terá perguntado: Porque os meus pais não vieram ao menos abraçar-me de novo? Os pais também se perguntavam: como conseguimos agir assim? Mas a resposta era óbvia: Se eles o abraçassem de novo, poderiam não mais ter a coragem de partir!
Excerto do livro: Esplendor no Horizonte